domingo, 2 de maio de 2010

Meus prazeres

Realmente para mim os grandes, enormes, prazeres da vida estão em pequenas coisas.
O olhar dessa bobinha, quando quer brincar...


Ou quando ao passar pelo jardim me dou conta que um preciosíssimo tesouro brotou... e eu nem me dei conta...



Essa foi a primeira orquídea que maridón me deu.
Foi com ela que tenho aprendido e errado... muito. Mas ela tem sobrevivido. Amém.

Pessoal, atrevam-se... elas valem o risco.

Bjs

5 comentários:

Maria Amélia disse...

Oi Popola, vc tem toda razão, é dessas pequenas coisas que é feita a parte boa da vida. A Thora está linda e a orquídea também. Essa semana me lembrei de vc quando fui ao ateliê da minha ex professora e fiquei olhando a coleção de dedais dela. São todos lindos como esse último que vc mostrou. Acho que ela tem uns 20. bjs. mamélia

Erika disse...

Boa madrugada! Hoje eu tô de coruja...uma beleza...
A sua orquídea está maravilhosa! As cores são demais!
Estou com saudades.
Beijos

xuxanon disse...

Hoje estou se serão. Que linda está tua orquidea. As minhas estão tão tristes que não sei o que fazer delas. Nenhuma deu flor este ano. Aqui agora está ficando frio, acho que é porisso.Bjcs Ana

Christina Frenzel disse...

Amiga,
você tem toda a razão.. a gente se apega a tanta bobagem, quando, na verdade pequenas coisas nos fazem realmente felizes!!!

Beijos e saudades,

Anair disse...

Sempre falo com a Thora pela janela lateral, ela fica quietinha me ouvindo. Ai chega o Bob para interromper, rsrsrsrsrs
Ela é um mocinha educadinha.
Beijos